5 motivos para ter uma scooter elétrica em 2022 – o nº 3 convence

5 motivos para ter uma scooter elétrica em 2022

02.11.2021 | Por: administrador

Voltar

Se você está com dúvidas, veja agora por que escolher uma scooter elétrica em 2022 livrará você de alguns problemas recorrentes.

Tempo de leitura: 5 minutos

Ter uma scooter elétrica em 2022 pode ser a solução mais viável para, pelo menos, 4 problemas recorrentes para a maioria das pessoas. E que você vai ver que também costuma ser para você!

Isso porque, diante da nossa atual realidade, pensar novos hábitos de locomoção se faz mais que necessário.

A verdade é que por ser fácil de pilotar e contar ainda com outras vantagens, a scooter elétrica caiu no gosto da população.E já não é difícil encontrar as motinhas elétricas circulando nas grandes cidades. 

Prova disso é o aumento nas vendas no varejo das sccoters, segundo dados da Abraciclo. De janeiro a setembro deste ano, foram 80.815 unidades emplacadas, o que corresponde a uma alta de 54,3% na comparação com o mesmo período de 2020 (52.380 unidades).

E a tendência é de que o mercado da scooter elétrica se mantenha ainda mais aquecido no próximo ano. 

Sendo assim, separamos 4 ótimos motivos para você ter uma scooter elétrica em 2022 e mudar completamente seu estilo de vida. 

Continue na leitura e entenda por quê!

5 motivos para ter uma scooter elétrica em 2022

1 – Mais segurança no pós-pandemia

A pandemia fez todo mundo repensar hábitos. Isso é um fato. O que antes era apenas desagradável, como pegar um busão lotado, agora representa ainda um risco para a saúde.

Aglomerar já não deve fazer mais parte da sua rotina, mesmo que seja para ir ao trabalho.

Engana-se quem pensa que a melhor solução seria se adaptar ao transporte por aplicativo. O risco para a saúde ainda existe mesmo neste caso.

Afinal, a rotatividade de passageiros é fator de risco.

Além do que, você ainda acumula com o problema nº 1, que é não economizar combustível. 

Com a alta nos preços, as tarifas foram reajustadas e, se colocar na ponta do lápis, talvez não seja tão viável assim.

2 – Não poluem

Assim como a pandemia nos fez repensar hábitos sobre a mobilidade urbana, higiene, solidariedade com o próximo, ela também nos questionou sobre os cuidados com a natureza.

Isso porque com o lockdown, no qual houve uma redução significativa de carros nas vias urbanas, a poluição e a emissão de gases de efeito estufa caíram consideravelmente.

Em Nova York, as emissões de monóxido de carbono oriundas de automóveis diminuiu 50% em comparação ao ano passado, segundos dados de pesquisadores da Universidade de Columbia.

Assim, para muitos isso foi o start para a mudança de mentalidade e hábitos. 

Ao priorizar esse pensamento sustentável e ter uma scooter elétrica  em 2022, você contribui na prática com a redução da poluição e do aquecimento global.

Veja também: A scooter elétrica pode andar na chuva?

3 – Economia de combustível

De longe, o motivo mais óbvio para o cidadão comum! Se você é brasileiro ou brasileira e não está indignado (a) com os preços dos combustíveis, você não está no Brasil.

É por isso que ter uma scooter elétrica em 2022 vai fazer você aliviar o seu bolso cansado de pagar mais de R$ 7 na gasolina e contando…

Os nossos modelos de scooter elétrica vêm com baterias de lítio removíveis e recarregáveis. No máximo em 5 horas já estão totalmente carregadas e prontas para circular, de acordo com a autonomia de cada modelo.

Portanto, se o seu gasto com combustível é alto (para todo mundo está sendo), cogitar uma scooter elétrica para o próximo ano pode ser a virada de chave que você precisava.

Como economizar combustível com 7 dicas que você, provavelmente, não faz

4- Preços dos carros novos e semi-novos

Se você está pensando em adotar um meio de transporte para chamar de seu no próximo ano e cogitou adquirir aquela caranga, saiba que você está prestes a tomar uma péssima decisão.

O preço de tudo está alto demais, é verdade! Mas você já parou para pesquisar os valores dos automóveis?

Scooter elétrica pode andar na rodovia?

E não tem para onde correr, tanto os carros novos como os usados estão com preços bastante elevados. 

Um veículo popular básico que, há 3 anos, custava menos de R$ 40 mil novo, hoje você encontra por, no mínimo, R$ 50 mil. Isso sem considerar os juros das taxas de financiamento, para quem compraria parcelado. 

As scooters elétricas possuem preços e modelos variados. Mas a mais cara não passa de R$ 15 mil, fora que você ainda não vai gastar com o combustível.

5 – Manutenção (ou falta de) da scooter elétrica

Se você tem um carro, sabe bem o quanto custa dar manutenção periódica em um veículo.  Pneus, freios, amortecedores, óleo, filtro e mais um tanto de coisa, fora os imprevistos.

Ter uma scooter elétrica em 2022 vai te ajudar a não gastar também com manutenção, afinal elas são bastante simples de manter.

Não precisa trocar peças nem fluidos, no máximo os pneus e pronto!

Ter uma scooter elétrica em 2022 marcará um novo estilo de vida

Pensar formas mais sustentáveis e saudáveis, inclusive financeiramente, de vida é o caminho da nova era. A era de cidadãos mais engajados com os rumos não só do planeta, como também os próprios rumos, que são definidos no presente, no agora.

Pense sobre esses 5 motivos para ter uma scooter elétrica em 2022 não como a aquisição de um meio de transporte, mas como a escolha de novos e melhores hábitos.

E se você quer saber mais sobre os modelos disponíveis ou outras dúvidas, entre em contato agora mesmo e fale diretamente com um de nossos consultores. 

De repente, a sua scooter elétrica nem precisa esperar até 2022! 😉

Confira ainda estes outros artigos no blog:

Veja os prós e contras da scooter elétrica
As 7 maiores dúvidas sobre scooter elétrica

 

Posts Relacionados

onde pode andar com moto elétrica
  • Data: 02.07.2022
  • Por: Por: administrador

Onde pode andar com moto elétrica? Descubra!

Rodovia, ciclovia, vias de trânsito rápido, ciclofaixa? Afinal, onde pode andar com moto elétrica? E também com scooter elétrica? É o que você descubrirá neste artigo.

Saiba Mais